-Publicidade-

Petrobras aumenta preço da venda de gás natural para distribuidoras em 39%

A partir do dia 1º de maio, valor cobrado sofrerá reajuste; em dólar, alta chega a 32%
Petrobras anunciou aumento do preço da venda de gás natural para as distribuidoras
Petrobras anunciou aumento do preço da venda de gás natural para as distribuidoras | Foto: Divulgação/Petrobras

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira, 5, que vai aumentar o preço da venda de gás natural para as distribuidoras em até 39% por metro cúbico a partir do dia 1º de maio. Em dólares, a alta será de 32%.

Segundo a empresa, a elevação dos preços decorre da aplicação de fórmulas dos contratos de fornecimento, que vinculam os valores à cotação do petróleo e à taxa de câmbio. As atualizações dos preços acontecem de três em três meses.

Leia mais: “Novo presidente da Petrobras começa transição e analisa nomes para diretoria”

“Para os meses de maio, junho e julho, a referência são os preços dos meses de janeiro, fevereiro e março. Durante esse período, o petróleo teve uma alta de 38%, seguindo a tendência de alta das commodities globais. Além disso, os preços domésticos das commodities tiveram alta devido à desvalorização do real”, diz a empresa no comunicado.

Leia também: “Petrobras anuncia primeira redução no preço do diesel em 2021”

Apesar da alta, a estatal informou que, ao longo de 2020, os preços do gás natural para as distribuidoras tiveram queda acumulada de 35%, em reais, e 48%, em dólares.

Leia também: “Lucro de estatais cai 44% e compromete dividendos da União”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.