Revista Oeste - Eleições 2022

Biden diz que Congresso deve agir para liberação do aborto

Presidente norte-americano afirmou que as liberdades estão em risco
-Publicidade-
Presidente dos EUA fez pronunciamento sobre assunto nesta terça | Foto: Adam Schultz/Casa Branca
Presidente dos EUA fez pronunciamento sobre assunto nesta terça | Foto: Adam Schultz/Casa Branca | Joe Biden, o presidente dos Estados Unidos

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta terça-feira, 28, que vai fazer de tudo para lutar contra a decisão da Suprema Corte que barrou constitucionalmente o aborto no país, depois de quase 50 anos de liberação.

Biden afirmou que sua administração “fará tudo o que estiver ao seu alcance legal para lutar contra a decisão devastadora que derrubou ‘Roe contra Wade’ para proteger os direitos fundamentais das mulheres.”

O democrata, no entanto, pressionou o Congresso a agir, ao dizer que os parlamentares precisam tomar providências legislativas em torno do tema.

-Publicidade-

Desde o dia 24, quando a Corte norte-americana tomou a decisão, nove Estados do país já proibiram o procedimento. A previsão é que, nos próximos dias, outros 12 sigam o mesmo caminho. Todos são governadores por membros do Partido Republicano.

O aborto já está proibido em Kentucky, Louisiana, Dakota do Sul, Arkansas, Missouri, Oklahoma,  Alabama, Wisconsin e Utah.

Empresas vão pagar viagens de funcionárias que desejarem abortar

Menos da metade dos 50 Estados norte-americanos devem caminhar para a proibição do aborto. Empresas, como a Disney, vão pagar viagens para funcionárias que desejarem abortar, caso seus Estados de moradia não permitam mais o procedimento.

O jornalista Mattew Belloni, do portal Puck, informou que outros gigantes do entretenimento estariam dispostos a seguir a Disney na decisão. São eles: Netflix, Comcast, Warner Bros. Discovery, Sony e Paramount.

Em um vídeo divulgado nesta terça-feira, Biden afirmou que as liberdades estão em risco.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. Os direitos das mulheres e das liberdades estão em risco nesse contexto?
    Isso é o mesmo que dizer que nesses direitos incluem o direito de cometer assassinatos.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.