Novo depoimento de Queiroga será no dia 18

Ida do ministro da Saúde à CPI acontecerá um dia antes de o relator da comissão, Renan Calheiros, entregar o relatório final
-Publicidade-
Marcelo Queiroga, ministro da Saúde, prestará o último depoimento à CPI da Covid
Marcelo Queiroga, ministro da Saúde, prestará o último depoimento à CPI da Covid | Foto: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), anunciou nesta quinta-feira, 7, que o novo depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, à comissão já tem data marcada. A oitiva foi marcada para o dia 18 de outubro.

Será o terceiro depoimento de Queiroga ao colegiado que investiga as ações do governo federal durante a pandemia de covid-19. Como Oeste informou mais cedo, a nova convocação do ministro da Saúde foi aprovada hoje.

Leia mais: “CPI da Covid aprova nova convocação de Marcelo Queiroga”

-Publicidade-

A ida de Queiroga à CPI acontecerá um dia antes de o relator da comissão, Renan Calheiros (MDB-AL), entregar o relatório final. A votação do parecer está prevista para o dia 20.

Leia mais: “Renan: ‘Não vamos falar grosso na investigação e miar no relatório’”

O estopim para a convocação do ministro foi a retirada de pauta, por parte da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde, órgão consultivo do Ministério da Saúde, da análise de um estudo de especialistas contra o uso da cloroquina no tratamento para pacientes com covid-19.

Leia também: “Depois de virar investigado, presidente do CFM critica CPI e defende autonomia médica”

Os senadores querem saber de Queiroga se o presidente Jair Bolsonaro interferiu na decisão ou se o próprio ministro foi responsável pela medida.

Além disso, a CPI  quer saber se a pasta já tem os detalhes do programa de vacinação contra a covid-19 em 2022 e também por que decidiu abrir mão da CoronaVac no processo de imunização do ano que vem.

Na terça-feira 5, como noticiamos, a CPI da Covid havia aprovado um requerimento pedindo que Queiroga respondesse, em até 48 horas, a vários questionamentos. Como o ministro não se manifestou, os senadores decidiram, então, convocá-lo novamente.

J.R. Guzzo: “Oposição aposta suas fichas na CPI da Covid”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. Vai Quiroga, tira a máscara do Renan, libera ele?
    E diz que é enviado da globolixo, já dando o GRITO DE CARNAVAL, após consulta científica ao Dráusio Varella.
    CANALHICE

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.