Anvisa recebe pedido para liberar Fiocruz a produzir IFA 100% nacional

Pedido foi apresentado na quinta-feira 25; prazo para resposta da agência é de 30 dias
-Publicidade-
Em caso de aprovação da Anvisa, Fiocruz poderá começar a produzir IFA 100% nacional
Em caso de aprovação da Anvisa, Fiocruz poderá começar a produzir IFA 100% nacional | Foto: Erasmo Salomão/Ministério da Saúde

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) acaba de anunciar que recebeu, na noite de quinta-feira 25, um pedido da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para incluir a instituição entre os locais de fabricação do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) da vacina contra a covid-19.

Na prática, essa autorização liberaria a Fiocruz para produzir o IFA 100% nacional da vacina da Oxford/AstraZeneca contra a covid-19.

O prazo de análise pela Anvisa é de 30 dias. Segundo a agência sanitária, esse período não inclui “o tempo do processo em status de exigência técnica” — quando o laboratório precisa responder a questões técnicas feitas pela Anvisa.

-Publicidade-

Até o momento, a Fiocruz envasa o IFA que chega do exterior, principalmente da China, e distribui as vacinas para o Programa Nacional de Imunizações (PNI) do governo federal.

No fim de setembro, a Fiocruz concluiu a produção dos primeiros lotes do IFA 100% nacional da vacina contra a covid-19.

Fabricado pelo Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos), o insumo passou por testes de controle de qualidade. Na sequência, foi encaminhado para a etapa de processamento final do imunizante.

Os dois lotes de pré-validação servem para demonstrar que o processo funciona conforme o esperado e, eventualmente, detectar a necessidade de adequação de documentos.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.