Itamaraty confirma importação de 2 milhões de doses da vacina da Oxford

Imunizantes produzidos na Índia serão comprados pelo governo brasileiro
-Publicidade-
A Universidade de Oxford ajudará no combate ao coronavírus
A Universidade de Oxford ajudará no combate ao coronavírus | Foto: Cadu Rolim/Estadão Conteúdo

O governo brasileiro afirmou nesta terça-feira, 5, que está “confirmada” a importação de 2 milhões de doses da vacina produzida pela farmacêutica britânica AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford, na Índia. Segundo os ministérios da Saúde e das Relações Exteriores, não há “nenhum tipo de proibição oficial” do governo indiano em relação à exportação de doses do imunizante contra a covid-19.

“Está confirmada a importação de 2 milhões de doses da vacina da AstraZeneca/Oxford produzidas na Índia, com data provável de entrega a partir de meados do corrente mês de janeiro”, disse o Itamaraty, em nota.

-Publicidade-

Em seguida, o governo brasileiro afirmou em outro comunicado que “as negociações entre a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e o Instituto Serum da Índia para a importação pelo Brasil de quantitativo inicial de doses de imunizantes contra a covid-19 encontram-se em estágio avançado”. Segundo o governo, as doses devem chegar em janeiro.

Leia também: “Coronavírus: empresa indiana anuncia que vai exportar vacina da Oxford”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.