Por falta de voluntários, Anvisa autoriza mudança nos testes da ButanVac

Grupo que receberia placebo na fase inicial do estudo clínico agora será vacinado com a CoronaVac
-Publicidade-
Instituto Butantan vem tendo dificuldade para encontrar voluntários para os testes da ButanVac
Instituto Butantan vem tendo dificuldade para encontrar voluntários para os testes da ButanVac | Foto: Aloisio Mauricio/FotoArena/Estadão Conteúdo

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta quarta-feira, 18, uma mudança de protocolo para os testes clínicos da ButanVac, possível vacina contra a covid-19 100% brasileira, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan.

A alteração autorizada pelo órgão é a substituição, na fase inicial do estudo, do uso de placebo por um outro imunizante — no caso, a vacina chinesa CoronaVac, já aplicada em larga escala no Brasil. A solicitação foi feita pelo próprio Butantan, que relatou dificuldades para encontrar voluntários para participar das fases 1 e 2.

Leia mais: “Instituto Butantan inicia testes clínicos da ButanVac em voluntários”

-Publicidade-

Nesse tipo de estudo clínico, os participantes são divididos em dois grupos: um recebe o imunizante, e o outro, um placebo — que não possui nenhuma substância ativa. Este último grupo agora receberá a CoronaVac, chamada de vacina de comparação para o teste.

Leia também: “Anvisa libera ButanVac para ser aplicada em voluntários”

A Anvisa autorizou a mudança na etapa A, que envolverá 400 voluntários. A estimativa é a de que cerca de 6 mil voluntários participem da pesquisa.

Leia também: “Anvisa pede à Pfizer informações sobre possível terceira dose”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

6 comentários

  1. A “nossa” ANVISA se tornou um braço fundamentalista da China. Muita gente do Butantan em SP está amarrada com o país comunista a favor do vírus.

  2. Ao invés de placebo, os voluntários vão receber a coronavac ? Aff. O Agripino Doria e o Dimas Covas/Butantan desistiram da coronavac pra emplacar uma vacina que eles afirmaram ser 100% brasileira, quando não é, e com isso vão se enrolando e usando o dinheiro público para o fim de propaganda eleitoral disfarçada do mantra “salvar vidas”.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro