SP vacinará grávidas que tomaram AstraZeneca com segunda dose da Pfizer

Cerca de 9 mil mulheres poderão ser imunizadas a partir de sexta-feira 23
-Publicidade-
Grávidas que tomaram a primeira dose da AstraZeneca poderão receber segunda aplicação da Pfizer no Estado de São Paulo
Grávidas que tomaram a primeira dose da AstraZeneca poderão receber segunda aplicação da Pfizer no Estado de São Paulo | Foto: Reprodução/Unsplash

Em entrevista coletiva realizada nesta quarta-feira, 21, no Palácio dos Bandeirantes, o governador em exercício de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), anunciou que o Estado vai vacinar as grávidas e mulheres que acabaram de ter filhos que tomaram a primeira dose da vacina contra a covid-19 da Oxford/AstraZeneca com a segunda dose de outro imunizante, da Pfizer/BioNTech.

De acordo com Regiane de Paula, coordenadora do Programa Estadual de Imunização, essa nova etapa começará já a partir de sexta-feira 23. Ao todo, cerca de 9 mil grávidas e puérperas serão contempladas no Estado.

Leia mais: “Covid-19: SP marca data para novo ciclo de vacinação em 2022”

-Publicidade-

Queda nos casos e internações

As grávidas devem receber a dose da Pfizer na mesma data em que receberiam a segunda dose da AstraZeneca. O intervalo recomendado entre as duas aplicações dessas vacinas no Brasil é o mesmo (12 semanas).

Durante a coletiva, que contou com a participação “virtual” do governador João Doria (PSDB), por videconferência — ele está em isolamento por ter sido reinfectado pelo novo coronavírus —, o governo paulista atualizou os dados sobre casos e internações por covid-19.

Leia também: “Saúde rebate governo de SP e afirma que ‘não há evidência’ de vacina anual contra covid-19”

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, São Paulo atingiu o menor índice semanal de internações por covid-19 em 2021. Nos últimos sete dias, a queda foi de 9%. Os casos também recuaram no período: 6,9%.

Na semana passada, 288 municípios paulistas não registraram nenhuma morte causada pelo novo coronavírus.

Leia também: “Cidade de São Paulo já vacinou 70% com a primeira dose”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site