Censurado nas redes, Silveira tem PL contra as ‘big techs’

Deputado federal é autor de medida que prevê multas e suspensão às plataformas que censurarem usuários
-Publicidade-
Congressista apresentou projeto de lei no início do mês
Congressista apresentou projeto de lei no início do mês | Foto: Mingman Srilakorn/StockPhoto

Quem procurar pelos perfis oficias do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) no Facebook, no Instagram e no Twitter, não os encontrará. Conforme noticiou Oeste, o “triunvirato” de big techs derrubou de suas redes as páginas do congressista, preso a mando do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes em razão de críticas que fez à Corte. Também o magistrado é o responsável por pedir às plataformas que tirassem Silveira do ar, solicitação prontamente atendida. Crítico do poder das empresas de mídia, em 8 de fevereiro deste ano, Silveira e mais sete congressistas apresentaram o Projeto de Lei 291/2021. Em linhas gerais, a medida prevê multas e suspensão de 90 dias às big techs que censurarem usuários.

Leia também: “O STF pode tudo?”, artigo de Silvio Navarro publicado na edição 48 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.