-Publicidade-

Weber suspende inquérito contra procuradores da Lava Jato

Força-tarefa estava na mira do presidente do Superior Tribunal de Justiça, Humberto Martins
Magistrada acatou recurso de procurador
Magistrada acatou recurso de procurador | Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber suspendeu um inquérito contra integrantes da Lava Jato. Na terça-feira 30, a magistrada barrou a tramitação do processo até que o mérito seja julgado pela Primeira Turma da Corte. O entendimento da juíza do STF foi tomado em um habeas corpus apresentado ao STF pela defesa do procurador Diogo Castor de Mattos, que atuou na força-tarefa de Curitiba. Conforme noticiou Oeste, o presidente do Superior Tribunal de Justiça, Humberto Martins, abriu uma investigação contra os procuradores da operação. Em 2020, o filho dele foi alvo de agentes da Lava Jato.

Leia também: “A operação que mostrou que todos são iguais perante a lei”, reportagem publicada na Edição 21 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.