‘Eu já disse que vou escolher o João’, diz FHC sobre Doria em 2022

Ex-presidente se encontrou com o governador de São Paulo, para quem fez um vídeo reiterando apoio nas prévias do PSDB
-Publicidade-
Fernando Henrique Cardoso apoiará João Doria nas prévias do PSDB
Fernando Henrique Cardoso apoiará João Doria nas prévias do PSDB | Foto: Reprodução/YouTube

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso recebeu nesta quarta-feira, 18, a visita do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e voltou a manifestar apoio à pré-candidatura do tucano à Presidência da República em 2022. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Em um vídeo, o ex-presidente reiterou que apoiará Doria nas prévias do PSDB que vão definir o nome do partido para a disputa pelo Palácio do Planalto. “Doria representa o futuro do Brasil”, disse FHC. “As prévias não excluem ninguém. Escolhem. Eu já disse que vou escolher o João. Por quê? Não só porque eu sou de São Paulo e ele é de São Paulo. Ele veio da Bahia, eu vim do Rio. Não, não. É porque é bom para o Brasil.”

Leia mais: “FHC: Doria é candidato à Presidência e ‘tem meu voto’”

-Publicidade-

Ainda segundo FHC, “o governo de São Paulo foi a maior vitória do PSDB”. “E nós temos mostrado que somos capazes de governar e de fazer coisas. E não só de falar. Falar é mais fácil.”

Leia também: “Em reunião em São Paulo, FHC sela apoio a Lula contra Bolsonaro”

Há algumas semanas, o ex-presidente já havia declarado apoio a Doria para 2022. Em maio, FHC se encontrou com o petista Luiz Inácio Lula da Silva, seu adversário nas eleições de 1994 e 1998, e sinalizou que votaria em Lula em um eventual segundo turno contra Jair Bolsonaro. Na época, as declarações geraram desconforto e críticas no PSDB.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

7 comentários

  1. 2 Cadáveres politicos insignificantes, calcinha não ganha mais nada aqui, a pandemia tirou sua mascara definitivamente, a não ser por estas urnas nojentas. mas os planos deles para isto é com outro ser.

    1. Cervantes, análise perfeita, dois cadáveres políticos que vão levar o PSDB a extinção. Eles ficam encastelados, tomando vinho caro e decidindo sobre política, como antigamente, depois contratavam alguns jornalistas dos maiores meios de comunicação que davam viabilidade ao decidido. Hoje isso não funciona mais, FHC não é levado à sério pelo eleitor, Dória é visto como traidor e arrogante. A esquerda não vota no PSDB, a direita está com Bolsonaro. DEM e PSDB vão disputar o eleitor que não está satisfeito com o Presidente porque perdeu a renda da especulação, porque acham o Presidente muito bronco já que são muito sofisticados e delicados, outros queriam uma teta no governo e por aí vai. Esses dissidentes não são em numero suficiente para manter um partido grande. Vão disputar em tamanho com Rede, Psol, Psb, quem viver verá.

  2. Uma das heranças de FHC , foi ter pavimentado a entrada, para que Lula ganhasse a eleiçao em 2002, com um governo pifio no segundo mandato.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro