Ex-comandante nega que Bolsonaro tenha mandado caças sobrevoarem STF

Antônio Carlos Moretti Bermudez rebateu a acusação do ex-ministro da Defesa Raul Jungmann
-Publicidade-
Antônio Carlos Moretti Bermudez, ex-comandante da Aeronáutica, rechaçou tese de interferência de Jair Bolsonaro nas Forças Armadas
Antônio Carlos Moretti Bermudez, ex-comandante da Aeronáutica, rechaçou tese de interferência de Jair Bolsonaro nas Forças Armadas | Foto: Reprodução

O tenente-brigadeiro do ar Antônio Carlos Moretti Bermudez, ex-comandante da Aeronáutica, negou que o presidente Jair Bolsonaro tenha feito um pedido para que caças da Força Aérea Brasileira (FAB) sobrevoassem o prédio do Supremo Tribunal Federal (STF), como uma forma de intimidação contra os ministros da Corte.

A versão de que Bolsonaro teria ordenado o sobrevoo rasante sobre o STF foi divulgada pelo ex-ministro da Defesa Raul Jungmann, como Oeste registrou. Jungmann, que também ocupou a pasta da Justiça e da Segurança Pública no governo do ex-presidente Michel Temer, disse ainda que a saída dos comandantes das Forças Armadas, em março, se deveu justamente à suposta determinação de Bolsonaro — que não teria sido cumprida pelos chefes militares.

Leia mais: “Jungmann: Bolsonaro mandou caças sobrevoarem STF para ‘estourar os vidros’”

-Publicidade-

“Comigo, nada foi tratado sobre isso. Não houve nenhuma consulta, nenhuma conversa sobre isso”, disse Bermudez à revista Veja. O ex-comandante da Aeronáutica também rechaçou a tese de que a saída da antiga cúpula militar teria alguma relação com uma suposta interferência de Bolsonaro.

“Eu ainda estou no que chamo de minha ‘licença sabática’, não me envolvendo em Força Aérea, nem em política, nem em nada. Tenho um apreço por todos. O próprio ministro Jungmann, quando foi ministro da Defesa, tinha uma relação próxima e fraterna conosco”, minimizou.

Leia também: “Ex-ministros da Justiça de FHC, Lula, Dilma e Temer pedem rejeição de impeachment contra Moraes”

Também em entrevista à Veja, sem apresentar provas, Jungmann relatou o suposto pedido de Bolsonaro. “Ele chamou um comandante militar e perguntou se os jatos Gripen estavam operacionais. Com a resposta positiva, determinou que sobrevoassem o STF acima da velocidade do som para estourar os vidros do prédio. Bolsonaro mandou fazer isso. Tenho um depoimento em relação a isso. Ao confrontá-lo com o absurdo de ações desse tipo, eles foram demitidos”, acusou o ex-ministro.

Leia também: “Para Bolsonaro, Moraes espera momento para aplicar ‘sanção restritiva’”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários

  1. As acusações infundadas da esquerda acabam sempre assim… uma nota de repúdio, um desmentido e pronto. Se a acusação é grave, não caberia um processo? Qualquer comentário da direita, já se abre um inquérito, uma investigação, um mandado de prisão. Vivemos na demagogia, também conhecida como democracia.

  2. Uma verdadeira fake news. E aí? Não vai ter processo? CPI? Um ex ministro da justiça e da defesa mentir assim e fica por isso mesmo? Que lástima.

  3. Se não tiver uma resposta agressiva, eles não vão parar,
    Agora é incrível e asqueroso a parcialidade fake news é só do lado do governo e quem apoia né ai entra lá no inquérito do REI da Babilônia..

  4. Acusações por parte da esquerda na voz de um esquerdista contumaz Raul Jungmann ??? Nãoo é de admirar , ele fala em “jatos Gripen” como dizia minha avó ” a mentira tem perna curta” pois só há um jato Gripen em teste aliás , o fato de uma rasante no STF aconteceu sim mas ,no governo de Dilma 👍 Inaceitável a fala deste mentiroso 🤔

  5. Como é que não está na cadeia este pulha? Sanguessuga do serviço público, o Jungman nunca mostrou serviço ou boas ideias. Na esteira dos outros, ou tocando obras de outros, assim foi o cara. Abanando o mundo com chapéu dos outros….

  6. BOLSONARO NÃO PRECISA ASSUSTAR OS MINISTROS. BASTA FAZER USO DE SUA PRERROGATIVA, COMO CHEFE DO EXECUTIVO FEDERAL E DEMITI-LOS, UMA VEZ QUE TODOS OCUPAM FUNÇÕES DE CONFIANÇA, OU SEJA, DE LIVRE NOMEAÇÃO E DEMISSÃO. NENHUM DELES FEZ CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA LÁ ESTAREM. ALIÁS, SE HOUVESSE TAL EXIGÊNCIA, POSSIVELMENTE A COMPOSIÇÃO NÃO SERIA ESSA.

  7. Porque todo FDP, defende o assassino, qualquer pessoa com um mínimo de cérebro sabe que toda canalhice que o país está passando, o assassino e os metralhas e seguidores estão por trás. Então vcs da direitalha pare de defender esse desgraçado, não há ou subjetivo para esse lixo humano.

  8. Bom…como quem acusou é esquerdista/comunista, não devemos levar em conta, uma vez que acusam seus adversário do que eles são e fazem.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro